• Larissa Shanti

Quem sou eu?

Essa na verdade é uma pergunta que ainda não sei responder em palavras. Sinto o que sou e sei o que sonho, sei o que me torna o ser. Mas como defino algo, como esse universo imenso pessoal que ainda busco explorar, em palavras? Sei que sou muito mais do que minha aparência, do que o que faço profissionalmente, do que o que estudo, do que uma definição tão simplória que a sociedade nos da. Sei que somos muito mais do que aparentamos ser, mas como podemos explicar isso para o mundo? Este mesmo mundo que te pergunta o que você faz, se és casado, de onde és, em vez de perguntar se você é feliz. As vezes nos preocupamos tanto em que imagem passamos que esquecemos que não somos essa imagem, somos muito mais que isso. Por isso resolvi compartilhar essa foto.

Essa foto foi um momento muito especial que tive onde através da foto tentamos mostrar genuinamente os nossos aspectos internos. Essa foto representa para mim a guerreira que sou por dentro. Representa todas as minhas quedas, batalhas e superações. Representa uma parte minha que fica escondida e ao mesmo tempo tão visível, pois nada mais sou que eu. .

E você? Quem és tu? És aquilo que mostra? Ou muito mais que isso? .

Sonho com um mundo onde seremos todos nós mesmos sem vergonha, sem medo. 💙❤💙


"Escrevo para o otimismo, que nunca deixa de lado o perfeccionismo, é compulsivo, é quente, corre pelas suas veias, incandescente. Por que tão valente? Ela não é crente, mas acredita no que sente, e com certeza não deixa ninguém de lado, amigo ou parente.

Sempre à se cobrar, deve estar no primeiro lugar, com mania de se comparar, mas sem se abalar, um olhar fundo sempre à se admirar.

Sorridente compulsiva, mas às vezes deixa a má maré chegar, e aí se entrega à ela, se dando por chorar.

Garota de terra distante, de coração de diamante, minha admiração por ti é constante, teu futuro é garantido, muito sonhado, e portanto realizado. Portanto, sonhe garota, uma vez me falaram que somos do tamanho dos nossos sonhos, portanto seja grande."

.

Esse é um poema escrito por um artista incrível, que conseguiu retratar um pedacinho de mim. Tanto nas qualidades boas quanto em defeitos. Sou uma pessoa volátil, penso muito assim como sinto muito, e esse pensar e esse sentir faz com que eu me cobre muito ser aquilo que há de melhor e mais autêntico meu. Sou uma pessoa impulsiva, quero viver a vida e sentir na pele cada pedacinho de liberdade, e ao mesmo tempo quero batalhar para que haja essa oportunidade no mundo. Sou uma pessoa. E assim como todas as pessoas tenho coisas ruins e boas, o importante é acolher isso tudo dentro do coração e permitir que isso o faça mais forte, até que cada detalhe seu se torne a sua própria poesia.

.

Gratidão Teo Figueiró pelo poema, de verdade ele me ensinou muito.

9 visualizações

© Criado por Larissa Shanti

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone YouTube
  • Preto Ícone Facebook
  • Preto Ícone Spotify
  • Preto Ícone Pinterest
  • Preto Ícone Deezer
  • Preto Ícone iTunes